Os desafios da mulher na liderança

Por Claudia Lisboa

Não é de hoje que a mulher busca o reconhecimento de seu potencial e enfrenta grandes dificuldades para isso.

Há muito as mulheres que se destacavam como líderes eram muitas das vezes abafadas e impedidas de prosseguir e isso não mudou muito nos dias de hoje.

As mulheres até conseguem alcançar grandes cargos, posições de liderança, mas o respeito está longe de ser o mesmo despendido aos homens. Ocupam posições de destaque, mas não são efetivamente ouvidas como deveriam. Ainda é fácil perceber os burburinhos quando busca se posicionar, os olhares atravessados e a falta de posição respeitosa que normalmente é dirigida a um homem. E pior muitas vezes vindas de outras mulheres.

É incrível como a capacidade da mulher ainda é tão questionada, principalmente em determinadas profissões e posições de destaque, e com dito o mais triste é que outras mulheres mesmo questionam essa capacidade e autoridade.

Até quando isso será uma realidade em nosso meio? Não sei, diante do cenário que encontramos hoje infelizmente a mudança desejada e esperada ainda parece distante. Mas não é motivo de desânimo pois muito já temos a comemorar, a abertura de oportunidades, a abertura das portas para que a mulher possa estar e ocupar o lugar que ela desejar cresceu muito nos últimos tempos, as mulheres estão em toda parte, realizando as mais diversas posições. Em muitos casos já se avançou também na questão da diferença salarial.

Mas ainda há uma grande luta pelo respeito, pelo olhar para a mulher sem um olhar que questiona sua capacidade, isso quando é só um olhar, pois muitas vezes os comentários também deixam claro que simplesmente por se tratar de uma mulher sua autoridade e capacidade são colocadas em questão. E como já dito muitas de nós mulheres mesmas questionamos a competência de nossas semelhantes, preferimos um profissional do gênero masculino em uma situação ou outra. Precisamos ainda vencer essa barreira do preconceito e lutar pelo nosso reconhecimento não importa a posição que ocupemos e não desistir jamais desse objetivo.

A mulher pode e é capaz de fazer e estar aonde ela quiser e se propuser a estar. Continuemos avançando apesar de todo o preconceito, sem desanimar e a cada dia demonstraremos nossa capacidade e potencialidade.

_______________________________________________________________________

Cláudia Lisboa é advogada, professora de empreendedorismo e líder de um grupo de mulheres cristãs

Comece a digitar e pressione o Enter para buscar