Preenchimento labial além do volume: diferentes técnicas podem proporcionar efeitos mais naturais

Um dos mais famosos procedimentos estéticos, o preenchimento labial com Ácido Hialurônico, e também um dos mais procurados pelas brasileiras, evoluiu com o passar dos anos para garantir um resultado mais natural, harmônico e menos padronizado, respeitando a individualidade de cada um. Então, além do clássico volume, atualmente é possível proporcionar aos lábios hidratação, projeção e contorno por meio de novas técnicas de preenchimento.

Especialista no assunto, a dermatologista de Brasília, Dra Tania Vilela, speaker da Sinclair Pharma, sinaliza que para se chegar a um resultado final satisfatório e atingir o efeito desejado, seja hidratação, volume, contorno ou projeção, a escolha do produto e a técnica são determinantes e ainda ressalta, “Na minha opinião, o segredo é sempre lembrar que o menos é mais , ou seja , é melhor injetar menor quantidade de produto , aguardar ele acomodar e depois avaliar a necessidade de mais seringas , do que injetar grandes quantidades que modifiquem o formato e a movimentação natural dos lábios, diz ela.

 O procedimento não é dolorido se o médico aplicar cremes anestésicos e anestesia local, fazendo com que os lábios fiquem sem sensibilidade dolorosa, além disso, todo o processo leva em média 30 minutos. Na grande maioria dos casos, é inicialmente aplicado no máximo1ml de ácido hialurônico, tendo uma reaplicação após 1 ou 2 meses, dependendo da necessidade de cada paciente, pois segundo a Dra Tania, “isso colabora bastante para resultados mais naturais”.

Após a injeção do ácido, é normal ter a área do procedimento com alguns hematomas, edemas, inchaços e nódulos , mas que naturalmente desaparecem em até 30 dias.“ Neste período o ácido hialurônico ainda vai se ligar a moléculas de água e ajustar o volume, por isso, é importante respeitar esse tempo e ter paciência para conhecer o resultado final”, afirma a médica.

O preenchimento labial costuma durar de 8 a 12 meses e caso o resultado final não agrade, e é possível diluir o produto durante a consulta. A Dra ainda aponta que a tendência é valorizar os lábios de maneira harmônica e sensata.“Respeitar a naturalidade do volume e movimentos dos lábios está cada vez mais em alta, por isso que técnicas para enaltecer contorno e devolver hidratação tem sido cada vez mais comuns, além do volume e da projeção”, avalia a dermatologista.

O procedimento não é recomendado para gestantes e pessoas que apresentam doenças autoimunes,

lesões no lábio ou na cavidade oral e herpes.

 

Saiba mais sobre os tipos de formatos de lábios que podem ser desenhados com ácido hialurônico:

Hidratação: Esse efeito recupera a hidratação e o viço dos lábios, auxiliando na textura, brilho e  maciez.

 Volume: É a técnica que deixa os lábios grossos, carnudos e com bastante volume, bem estilo Kylie Jenner.

 Contorno: A técnica deixa o contorno dos lábios bem delineados e proeminentes, especialmente o arco do cupido e auxilia na simetria, além de suavizar as rugas que ficam ao redor dos lábios.

 Projeção: Ideal para lábios finos e pequenos, pois são formatos que não ficam harmoniosos com grande quantidade de produto, por isso, na projeção é aplicado o produto na medida certa para que o lábio fique mais proeminente e aparente na medida certa.

Comece a digitar e pressione o Enter para buscar