Perfumes naturais serão tendências em ambientes no pós-pandemia

Bem-estar, mudanças nos hábitos de higiene e busca por fragrâncias exclusivas são fatores decisivos para o aumento na procura por perfumes naturais para ambientes, diz perfumista

A perfumaria natural está em alta no Brasil e será tendência nos pós pandemia. As pessoas estão mais caseiras. Muitas vezes, são famílias inteiras em home-office. Dados recentes da Mintel, empresa global de pesquisa de mercado, apontam que 25% dos brasileiros usam produtos aromáticos ambiente – como velas, desodorizantes com aromas relaxantes, por exemplo -, para criar um ambiente aconchegante. Além disso, esse percentual sobe para 33% entre os consumidores com 55 anos ou mais.

Hoje o País é o segundo maior consumidor mundial de fragrâncias, somente atrás dos Estados Unidos. Segundo a Euromonitor International, empresa global de pesquisa de mercado, a perfumaria no mundo faturou US$ 44,26 bilhões em 2020 Os Estados Unidos atingiram 18,26% desse total, o Brasil 12,26% e a Alemanha, em terceiro lugar no ranking, 5,41%.

Dentro dessa alta procura, destaca-se o perfume natural de ambientes, como explica Angélica Flores, perfumista especializada em perfumaria natural que desenvolve da França, onde vive, diversos trabalhos relacionados à perfumaria natural para o mundo.

Para ela, até mesmo a preocupação com higiene pessoal e a busca constante pelo bem estar por conta da pandemia aumentou a procura pela perfumaria natural no Brasil. Na história das pandemias, o perfume sempre teve um papel importante, durante as pestes na Europa, eles ganharam um espaço imenso e a perfumaria teve uma grande expansão na França.

 

“Os perfumes fazem parte da nossa tradição e cultura há muito tempo. Cada vez mais, as fragrâncias são inseridas no nosso dia a dia: nos hábitos de higiene, nos rituais de beleza e até mesmo em espaços corporativos, com a chegada do marketing olfativo. E é aí que entra a verdadeira revolução dos perfumes de ambiente. Eles estão presentes em diversos momentos do nosso dia, muitas vezes atuando no nosso inconsciente e influenciando nossos comportamentos”, aponta Angélica.

 

A perfumista cita que os consumidores buscam cada vez mais exclusividade, almejando uma receita única e personalizada. Somando-se a isso, um estudo global da WGSN, aponta que o estilo de vida caseiro passará por mudanças e as fragrâncias cumprirão um importante papel nesse processo. E isso a perfumaria natural é capaz de trazer.

“O profissional da perfumaria precisa se atualizar e estar em constante estudo para atender esse novo mercado que cresceu ainda mais durante a pandemia”, lembra a perfumista.

E não para por aí! Com tais mudanças nos hábitos de vida das pessoas, o perfume ganha uma outra função nos ambientes: o de decoração. Isso quer dizer que os perfumes de ambiente e suas embalagens, de forma geral, podem ser harmonizados esteticamente com os espaços.

Comece a digitar e pressione o Enter para buscar