5 dicas para cuidar da saúde e se conectar consigo mesmo nas férias de julho

Vamos falar sobre autocuidado e autoconhecimento

As férias de julho chegaram e se você quer aproveitar os dias e se sentir totalmente renovado, temos que falar sobre autocuidado e autoconhecimento. Por isso, vamos te dar algumas dicas para você  cuidar da sua saúde, do seu bem-estar e ainda se conectar consigo mesmo sem nem precisar sair de casa, se você não quiser.

#1 – Pratique exercícios físicos

Já é clichê falar sobre a importância dos exercícios físicos, mas eles realmente ajudam e fazem bem para o corpo.

As vantagens de movimentar o corpo são inúmeras e vão além da estética. Por exemplo, as atividades físicas auxiliam na prevenção de doenças, aumentam o ganho de massa muscular, melhoram a saúde mental porque liberam endorfinas que reduzem a ansiedade, o estresse, melhoram o humor e contribuem para um sono melhor.

É recomendado realizar pelo menos 30 minutos de exercícios por dia e torná-los um hábito no seu dia a dia. Você pode iniciar esse hábito durante as férias e depois incorporá-lo na sua rotina diária.

E qualquer exercício físico vale, desde as atividades comuns das academias, como musculação e natação, até atividade circense, que representa uma forma divertida de treinar os músculos, a flexibilidade, a força e o equilíbrio e pode ser feita por qualquer pessoa com os movimentos sendo ensinados de forma gradual.

 

#2 – Faça meditação

Todo mundo já ouviu falar sobre os benefícios da meditação, mas você já tentou incorporar esse hábito na sua vida?

A meditação é basicamente um exercício de concentração que busca equilibrar as emoções e ajuda a encontrar novas formas de lidar com o estresse físico e psicológico.

A prática auxilia na regulação do corpo e da mente e ajuda a alcançar tranquilidade, concentração, redução do estresse e da ansiedade. A saúde física também é beneficiada, porque a meditação atua na regulação do sangue, na pressão arterial e na frequência cardíaca. Seus efeitos podem ser observados a longo prazo.

Para meditar é importante focar na própria respiração e não deixar que algum pensamento fique preso na mente, deixe passar e não se fixe em nada. Na correria do dia a dia essa missão pode parecer impossível, então que tal começar na tranquilidade das férias e depois utilizar a técnica antes mesmo de iniciar suas atividades diárias? Já existem aplicativos e vídeos de meditação guiada pela internet que podem ajudar os iniciantes.

 

#3 – Dedique tempo ao que você gosta

Quanto tempo faz que você não começa um novo hobbie, lê um livro de um gênero inédito, dedica um tempo para ouvir o álbum completo do seu artista favorito ou revê aquele filme que traz memórias da infância?

Com toda a agitação da rotina, às vezes nos esquecemos de fazer o mais simples – dedicar um tempo às atividades que a gente gosta. E isso também é autocuidado.

Dedicar um tempo a atividades prazerosas pode mudar a forma de enxergar o trabalho, os relacionamentos e a si mesmo, por conta da sensação de bem-estar provocada pelos passatempos.

Os hobbies ainda estimulam a criatividade, provocam interações positivas, fornecem sensação de motivação e propósito e representam uma válvula de escape do mundo comum. Então fica aqui a dica para você revisitar seus hobbies antigos e quem sabe conhecer novos durante as férias.

 

#4 – Permita-se experimentar

Falando em conhecer coisas novas, aqui vai mais um incentivo para você viver novas experiências.

Sabe aquela viagem que você sempre quis fazer, mas nunca teve coragem? Agora pode ser a hora… Ou quem sabe aquela receita atípica com alimentos totalmente diferentes que você ainda não testou por preguiça ou medo? Vá em frente!

Sair da zona de conforto e experimentar coisas novas não é tão fácil, mas pode te ajudar a conhecer pessoas novas, descobrir novos talentos, estimular a criatividade e oferecer novas oportunidades. Tudo isso pode tornar a experiência gratificante e te ajudar a lidar melhor com mudanças, além de não deixar que você se acomode sempre no mesmo lugar e nas mesmas situações.

Apesar do medo, esse pode ser um bom momento para você se desafiar e fazer aquelas coisas que você sempre teve vontade de fazer, mas só deixava para depois. Lembre-se que a vida seria muito chata se nunca experimentássemos nada novo. Deixe sua curiosidade te guiar.

 

#5 – Faça um teste genético

Já que estamos falando sobre novas experiências, aí vai uma bem inusitada. Que tal fazer um teste de mapeamento genético?

Os testes genéticos podem te ajudar a se conectar consigo mesmo e ainda te ajudam a cuidar da saúde de forma preventiva. Tudo isso porque com uma pequena amostra de saliva coletada em casa e enviada ao laboratório, você pode acessar resultados de ancestralidade e saúde do meuDNA Premium.

Os resultados de ancestralidade te dão a possibilidade de conhecer a história do seu DNA até oito gerações anteriores, o equivalente aos bisavós dos tataravós, com detalhes e conteúdos exclusivos sobre a cultura e as tradições de cada região, assim como a chegada dos povos ao nosso país.

Os resultados de saúde identificam a predisposição genética do seu DNA que pode aumentar o risco ao desenvolvimento de doenças, como câncer de mama, ovário, próstata, triglicerídeos altos, colesterol alto e diabetes monogênica, entre outras. Com o teste, é possível pensar em formas de melhorar a saúde, antes mesmo de a doença se desenvolver.

O teste pode ser comprado pela internet e representa uma forma de se conhecer por completo, se conectar com a sua ancestralidade e cuidar da saúde e do bem-estar. Aproveite!

Comece a digitar e pressione o Enter para buscar