Museu de Arqueologia e Etnologia da UFPR reabre seu espaço em Paranaguá para visitas mediante agendamento

 O agendamento pode ser feito pelo site www.mae.ufpr.br . Foto: Douglas Fróis/MAE-UFPR

A partir desta sexta-feira, 7 de janeiro de 2022, o Museu de Arqueologia e Etnologia da UFPR (MAE-UFPR) volta a receber visitantes em sua sede expositiva em Paranaguá, após fechamento em março de 2020 por conta da Pandemia de SARS-CoV-2 – Covid-19 em cumprimento das Portarias 721/2020 e 836/2021 da Universidade Federal do Paraná.

Para visitar o Museu em Paranaguá, os visitantes devem fazer uma solicitação de agendamento de visita a partir do site do MAE ou tentar um encaixe na recepção, caso haja vagas disponíveis no horário. Nesse retorno, será possível agendar visitas de terça a domingo, a partir das 9h até às 17h, com intervalo para almoço. 

Será permitida a entrada de no máximo 15 visitantes por hora, com permanência máxima de duas horas.   


Medidas de Segura
nça

As diretrizes de reabertura do MAE seguem as normativas do IBRAM (Instituto Brasileiro de Museus), do ICOM (International Council of Museumse da OMS (Organização Mundial de Saúde) para espaços públicos.   
 
Toda a equipe do museu passa por aferição de temperatura e por controle diário e acompanhamento de sintomas de Covid. Além disso, os visitantes terão sua temperatura aferida com termômetros infravermelhos, sendo permitido apenas a entrada de quem estiver sem febre. Assim como em todo o comércio em geral, em atendimento à lei, é obrigatório o uso correto de máscaras por todos visitantes com mais de 3 anos de idade. Recomenda-se a higienização constante das mãos e para isso totens de álcool gel foram disponibilizados nos espaços do museu. O consumo de alimentos e bebidas continua não permitido nos espaços do MAE, com exceção do consumo de água, que deve acontecer apenas nos espaços abertos do edifício, como o claustro do MAE-UFPR. 
 
E por último, e não por isso menos importante, é solicitado ao visitante que caso tenha tido contato com alguém com Covid ou apresente sintomas como tosse, coriza, cansaço, febre, dor de garganta, perda de olfato ou paladar ou diarreia, que não venha ao museu.

Exposições 
 
A Exposição “Entre Conchas: Modos de Vida nos Sambaquis”, prevista anteriormente para encerrar em março de 2020, estará ainda disponível para visitação, assim como a exposição “Cultura Popular – Assim Vivem os Homens”. Faça seu agendamento e obtenha mais informações sobre essas exposições no site do MAE-UFPR (www.mae.ufpr.br).

Comece a digitar e pressione o Enter para buscar