Resolução de conflitos em geral é um grande desafio para a maioria das pessoas

por Valdez Monterazo*

A resolução de conflitos em geral é um grande desafio para a maioria das pessoas. Isso ocorro pois, por não conhecerem estratégias de resolução de conflitos, caem em dois extremos perigosos:

1. tornam-se hostis e acreditam que levar a melhor e tirar vantagem é o melhor caminho;

2. não se posicionam e fogem de conflitos que deveriam ser enfrentados.

Ambos os casos tendem a ser danosos, pois são utilizados da forma errada e, no momento errado e em geral, não resolvem o conflito em si.

Dito isto, fica a grande pergunta: como se posicionar frente aos conflitos?

Indico aqui 5 possíveis estratégias que podemos usar dependendo da situação:

– Evitar

Evitar significa fugir do conflito ou confronto. Podemos evitá-los quando a situação não é relevante para nós e não há benefícios em confrontar. Já participou de polêmicas políticas, religiosas etc.? Elas se encaixam quase que perfeitamente nessa categoria, concorda?

– Acomodar

A estratégia de acomodar está relacionada a ceder algo para manter a harmonia da relação. Podemos utilizá-la quando a situação, novamente, não é relevante, mas podemos gerar créditos futuros quando satisfazemos as necessidades da outra parte.

– Forçar

Forçar, por sua vez, está relacionado a satisfazer uma necessidades pontual de maneira enérgica. Usa-se essa estratégia quando a questão do conflito é relevante, urgente e não negociável. Em geral, associada a uma crise que precisa ser resolvida de forma urgente e com decisões rápidas.

Imagina se, em uma situação de emergência, os bombeiros tentassem chegar em um consenso junto às vítimas sobre o que fazer. Seria, no mínimo, estranho ou contra producente, não concorda?

– Conceder

Conceder é quando ambas as partes do conflito cedem algo de valor. Usa-se quando uma situação é de grande relevância para ambas as partes, mas elas possuem objetivos e propósitos distintos.

É uma estratégia usada quando em uma negociação ambos cedem algo de valor para se chegar a um consenso.

– Colaborar

Em minha opinião, é a melhor estratégia. É quando ambas as partes se unem para gerar uma solução onde todos saem ganhando (ganha-ganha).

E você? Qual estilo de resolução de conflitos mais usa em suas relações interpessoais? Aqui vale a pena falar que os diferentes estilos podem se fazer necessários, ou preferenciais, em determinadas situações.

Há momentos em que o melhor é evitar, há situações em que se faz necessário forçar.  Enfim, assim está escrito no livro mais lido do mundo: existe um tempo certo para cada coisa na vida.

Ao ler até aqui, você ampliou sua visão e seu repertório de comportamentos em relação à resolução de conflitos.

Convido você agora a escolher ativamente qual estratégia comportamental irá utilizar em sua próxima situação de necessidade. Ao fazer isso, você se tornará não somente um líder melhor, como também um ser humano mais preparado e valorizado pelas pessoas ao seu redor.

*Valdez Monterazo é associado sênior na Sociedade Brasileira de Coaching, especializado em negócios, liderança e psicologia positiva. Tem cases de sucesso e promove resultados em diversos segmentos de pequenas e médias empresas. Saiba mais em: https://valdezmonterazo.com.br

 

Comece a digitar e pressione o Enter para buscar