Saiba o que você não pode fazer com os cabelos molhados e os cuidados necessários na hora de secar

A tricologista Viviane Coutinho aponta alguns cuidados necessários pois os fios molhados ficam mais elásticos e quebram com mais facilidade

É preciso redobrar os cuidados com os fios enquanto eles estão molhados. A tricologista Viviane Coutinho aponta hábitos que devem ser abandonados para manter a saúde dos seus fios.
Pentear os fios muito molhados
Nunca penteie debaixo do chuveiro. Quando ele está encharcado, fica mais elástico, então tende a quebrar com mais facilidade.
Apesar de não poder passar o pente ou escova, é durante o banho que começa o processo de desembaraçar os fios. No banho, condicione os fios, devolvendo emoliência e vá desembaraçando com os dedos.
Só use a escova ou pente com os cabelos mais para úmidos do que para molhados.
Além disso, escolha sempre pentes e escovas ideais para os seus fios, começando com pentes de dentes mais largos e sempre debaixo para cima.
Prender os fios com eles molhados
Prender o cabelo quando estiver molhado, principalmente antes de dormir, pode ajudar na proliferação de fungos. Em caso de atividades físicas que nos façam suar, sempre lave para retirar o suor e seque antes de prender.
Dormir com os cabelos molhados
Não vá dormir sem que os fios tenham secado totalmente. Esse hábito contribui para a oleosidade, pois facilita a proliferação de bactérias.
Além da oleosidade, dormir com o cabelo molhado pode gerar caspa, queda capilar e mau odor. Uma boa dica é lavar o cabelo logo pela manhã, deixando-os soltos para secar naturalmente ou sempre secar bem as madeixas antes de dormir.
-Cuidados na hora de secar
1 – Toalha 
Esfregar a toalha no cabelo pode resultar em quebra e frizz. A melhor forma de usar a toalha é apertando os fios delicadamente, sem causar fricção.
O hábito de usar a toalha errada também pode prejudicar o cabelo. Por exemplo, toalhas mais grossas podem até causar a quebra do fio. Escolha toalhas mais macias, como  e delicadas para remover o excesso de água, como por exemplo, de algodão e  microfibras.
2- Secador de cabelos 
Prefira sempre deixar os cabelos secarem naturalmente. Mas se for usar, é preciso alguns cuidados.
O calor excessivo produzido pelo secador é sim prejudicial aos cabelos, mas  há formas de amenizar esse problema e manter as madeixas bonitas e saudáveis. Antes mesmo de ligar o secador, passe um protetor. Esse produto funciona como uma película protetora ao redor das mechas e protege a fibra capilar do ar quente, evitando o ressecamento do cabelo.
Com o cabelo protegido, é hora de medir a temperatura do secador. Mesmo que a pessoa esteja com pressa de secar o cabelo, não é indicado ligar o aparelho na temperatura máxima. Outra dica é manter uma distância de cerca de 30cm entre o secador e o cabelo, para que o calor não prejudique os fios e o couro cabeludo.
Saiu do banho e o cabelo está muito molhado? Retire o excesso com uma toalha e vá secando em temperatura média até que o cabelo esteja menos úmido. “Quando ele estiver parcialmente seco, aí você começa a fazer o que pretende, seja modelar, finalizar, montar um penteado, entre outras opções.

Comece a digitar e pressione o Enter para buscar