Dr. Luiz Haroldo Pereira esclarece se é possível realizar mais de uma cirurgia plástica ao mesmo tempo – Afina Menina – Um Portal para todas Nós

Dr. Luiz Haroldo Pereira esclarece se é possível realizar mais de uma cirurgia plástica ao mesmo tempo

Segundo o cirurgião pioneiro da Lipoaspiração no Brasil, é viável desde que com algumas ressalvas e lista 4 tópicos importantes antes de combinar dois (ou mais) procedimentos de uma só vez

Abdômen definido, próteses de silicone e algumas gordurinhas realocadas, tudo ao mesmo tempo. Sair do centro cirúrgico com o corpo dos “sonhos” tem se tornado o desejo de muitas mulheres e a realidade de diversas famosas. De acordo com o Dr. Luiz Haroldo Pereira, pioneiro da Lipoaspiração no Brasil, a combinação de procedimentos é possível e pode ser proveitosa, mas inspira cuidado.

“A cirurgia associada realizada com uma equipe médica treinada e em ambiente hospitalar, possibilita ao paciente a oportunidade de em um mesmo tempo de cirurgia, ter suas solicitações atendidas, desde que não implique riscos à saúde, que deve estar em ótima condição”, ressalta o cirurgião.

Passar pelo repouso de uma só vez, economizar nas despesas hospitalares com apenas uma internação, ou estar com um corpo novo já para o próximo verão. São inúmeros os motivos que tornam a junção de procedimentos ainda mais atraente e tomando as devidas precauções, pode ser de fato uma boa escolha. Pensando nisso, o Dr. Luiz Haroldo listou o que deve ser considerado antes de encarar o bisturi.

Confira:

A escolha do médico: Pode parecer óbvio, mas escolher uma equipe qualificada é um dos tópicos mais importantes e não deve ser banalizado, em procedimentos combinados ou não. “A cirurgia plástica é uma especialidade médica e deve ser exercida apenas por médicos cirurgiões plásticos com a presença de anestesistas, para ser executada com toda segurança”, diz Dr. Haroldo.

Nada de clínicas: Cirurgias plásticas são procedimentos invasivos e, portanto, devem ser realizadas em hospitais com estrutura para conter possíveis complicações. O médico ressalta que o sucesso do procedimento também se apoiará neste ponto. “Tudo depende da experiência do cirurgião, da equipe e do hospital em que será realizada a cirurgia”.

Tempo: Um dos principais tópicos que definem quantas cirurgias o paciente poderá fazer de uma só vez é o tempo que os procedimentos durarão. “Podemos combinar mamas e abdominoplastia e até mesmo lipoaspirações associadas, desde que não leve mais do que 4 a 6 horas, dependendo do quadro de saúde do paciente”. De acordo com o cirurgião, ultrapassar este período com o paciente anestesiado, pode trazer complicações.

Custo x Benefício: Segundo o Dr. Luiz Haroldo, cirurgias plásticas devem ser a junção da indicação do cirurgião com o desejo do paciente e não devem ser planejadas apenas em cima da economia.

“Os pacientes tendem a solicitar vários procedimentos de uma vez, principalmente pelo custo, mas nem sempre é possível, por todas as condições que envolvem a cirurgia”, afirma. “Em tudo, o barato sempre pode sair caro”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *