Cafeína é um poderoso estimulante, mas é preciso moderar seu consumo – Afina Menina – Um Portal para todas Nós

Cafeína é um poderoso estimulante, mas é preciso moderar seu consumo

por Ketlyn Dalagnol

É de conhecimento universal que o café contém cafeína, porém não somente ele possui este estimulante, mas sim outros alimentos como chá-mate, chá preto, chimarrão, chocolate, guaraná e os refrigerantes à base de cola.

E não é para menos que produtos que contenham cafeína caiam na rotina de muitos como estimulante para acordar, ser mais produtivo, dar uma reenergizada no cérebro. Com isso vêm aquelas frases famosas de dependência de cafeína: “Depois do café a gente conversa”, “café primeiro, depois eu começo o dia”.

A cafeína está longe de ser um produto ruim. Ela possui vários benefícios associados ao seu consumo, por ser rica em compostos fenólicos, um potente antioxidante. Claro, isso em uso terapêutico.

O ponto deste questionamento é o que eu recebo com muita frequência em forma de dúvida. Tirei tal produto da minha dieta e estou com dor de cabeça. Isso acontece porque apesar da cafeína ser relaxante para a musculatura, ela provoca vasoconstrição no cérebro e bem sabemos que ela está associada à dependência psíquica, e que com o tempo a dose tem que ser cada vez maior para manter os mesmos estímulos que comentei acima.

Ao mesmo tempo em que no momento que você toma uma dose de cafeína passa a dor, ela se torna diretamente vinculada à predisposição para a próxima dor.

No Brasil, país com um dos maiores índices de consumo de café, podemos fazer a associação deste estimulante com aumento de quadros de ansiedade, insônia e enxaqueca, por conta da hiperatividade do sistema nervoso. Com isso, vem o uso de antidepressivos e calmantes para amenizar um quadro multifatorial.

O que eu recomendo é a diminuição gradativa do uso, para que no final você consuma apenas 2 xícaras/dia de café e/ ou outro produto à base de cafeína. Existem pessoas que são mais ou menos sensíveis à cafeína, então vale o bom senso no consumo.

Outra recomendação que pode ajudar na diminuição de quadros de dor de cabeça é o consumo diário de boas fontes de magnésio, mineral que está associado ao relaxamento muscular. Aqui entram como fonte vegetais verde-escuros e oleaginosas.

E meu povo, não adianta comer um monte de fontes de magnésio e falar que não está adiantando se você não associar isso à redução do consumo de cafeína.

Até a próxima!

Importante
Os textos de nossos colunistas não refletem necessariamente a opinião do Portal Afina Menina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *