Como evitar a perda dentária causada pelo envelhecimento?

Como evitar a perda dentária causada pelo envelhecimento?
 

A partir dos quarenta anos de idade a chance de perder os dentes é maior. Veja o que fazer para prevenir o problema e envelhecer com dentes saudáveis
 

É fato que a perda dentária é uma das consequências do envelhecimento. “Com o aumento da expectativa de vida, os dentes ficam mais tempo na boca e assim, naturalmente, exige-se mais deles”, explica Luiz Nantes, mestre em Implantodontia e consultor científico da S.I.N. Implant System, empresa que é uma das líderes globais na área de implantes dentários.

A partir dos quarenta anos de idade há maior risco de perda dos dentes, alerta o especialista. É que após esta idade, há risco elevado de desgaste e trincas no esmalte dentário, o que torna a arcada mais vulnerável. Além disso, aumentam as chances de ocorrer periodontite, que se não tratada leva à perda dos dentes. A doença é ocasionada pelo acúmulo de tártaro ou pela fratura dentária, que acontece devido a cáries, traumas ou dentes mal posicionados.

Para prevenir todas estas complicações, é fundamental visitar o dentista com regularidade, preferencialmente a cada seis meses. “Cultivar os cuidados com a boca desde cedo garante um sorriso saudável mais duradouro com o passar dos anos”, diz o consultor da S.I.N. Implant System. “Fatores genéticos podem até exercer influência na dentição, porém a rotina de higiene bucal é determinante e é a atitude mais recomendada para as pessoas após os 40 anos evitarem a deterioração dos dentes”, continua. “A boa notícia é que são hábitos muito simples: escovação e uso do fio dental”, conclui.

Quando há perda dentária, implantes são a melhor solução

Nas situações onde ocorre a perda de dentes, recomenda-se o tratamento com implantes, que apresenta vantagens quando comparado às próteses móveis, beneficiando os pacientes sob os aspectos psicológico e social. “Além do inconveniente de ter que tirar e colocar várias vezes ao dia, as dentaduras podem sair do lugar durante a fala e mastigação, gerando insegurança e criando situações embaraçosas para o paciente”, explica o dr. Luiz. “Os implantes, por serem fixos à estrutura do maxilar, ficam idênticos à dentição original, evitando transtornos e trazendo ganhos para a autoestima e qualidade de vida do indivíduo”, conclui.

Envelhecimento e perda dentária

Causas:

  • Traumas nos dentes, devido a mastigação de alimentos muito duros ao longo da vida ou a desordens funcionais como o bruxismo, que se caracteriza pelo ranger ou apertar dos dentes durante o sono;
  • Desgaste e trincas no esmalte dentário;
  • Fratura de dentes;
  • Acúmulo de placa bacteriana nos dentes (tártaro);

Como evitar:

  • Fazer uma boa higiene bucal, com escovação e uso de fio dental;
  • Visitar o dentista regularmente, a cada seis meses;
  • Prevenir impactos nos dentes. Para isso, é recomendável restringir o consumo de alimentos duros e tomar cuidado com pancadas na região;

 

Sobre a S.I.N. Implant System: referência mundial em produtos para implantes dentários, a S.I.N Implant System tem DNA brasileiro e está no mercado desde 2003. Hoje, seu parque fabril de última geração entrega mais de 5 milhões de produtos acabados, todos os anos, a 20 países do globo – o mais recente deles é o Marrocos. Com uma trajetória de conquistas apoiada nos princípios simplicidade, inovação e nanotecnologia, a S.I.N. Sistema de Implante já é referência global. A marca atua no mercado desde 2003, oferecendo as melhores linhas de implantes dentários do mundo, além de componentes protéticos. A empresa tem como visão oferecer o que há de melhor e mais seguro na área de implantodontia, utilizando, para isso, tecnologia de ponta e equipamentos de última geração, que passam por rigoroso controle de processos. A excelência em qualidade dos produtos é garantida e comprovada por meio de certificações nacionais e internacionais.

O sonho de restaurar sorrisos, iniciado com a Sra Neide e o Dr. Ariel Lenharo continua vivo. Em tempo: Ariel Lenharo foi o primeiro doutor em implantodontia do Estado de São Paulo, tendo também realizado sua pós-graduação nos Estados Unidos, no Pankey Institute. Neide e dr. Lenharo estiveram à frente da companhia até 2009, quando o controle acionário da S.I.N passou para o fundo de investimentos Southern Cross Group, equity firm líder e mais antigo dedicado ao mercado latino-americano, com mais de U$ 2,8 bilhões investidos em 38 empresas em todo o continente. Mais informações em www.sinimplantsystem.com.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *