O papel do tratamento com micro toques – Afina Menina

O papel do tratamento com micro toques

Temos a tendência de achar que tudo que superlativo é melhor. Às vezes, ao invés de tratamentos ostensivos, tudo que precisamos é de toques delicados, que permitam descobrir o que os tecidos do nosso corpo guardam de memórias e situações.

Fonte: Biointegral Saúde

“Cada vez mais, os tratamentos de saúde precisam levar em consideração tudo que vivemos, não apenas a dor em si”. A frase é do fisioterapeuta que realiza um trabalho focado em saúde integrativa na Biointegral Saúde, em São Paulo, Dr Sergio bastos Jr. “Nós falamos sobre saúde integrativa”, explica Sergio, “porque acreditamos que é a soma de tudo: sintomas, fatores físicos, emoções, crenças e memórias, que levam a quadros de dores e doenças. E que precisamos tratar tudo para ter um desdobramento real e uma reação positiva do corpo e da mente”. Um dos tratamentos utilizados pelo fisioterapeuta trabalha com toques sutis, em determinadas partes do corpo, pré-mapeadas, para descobrir se há memórias traumáticas gravadas em nossos tecidos.

“Nossas células também têm memória”, confirma Sergio, que segue: “e também guardam emoções fortes e que nos trouxeram algum tipo de dor ou medo. E que, como não são conscientes, acabam dirigindo nossas vidas de forma silenciosa, sem que a gente perceba. Imagine que as dores que você sente não necessariamente tem uma causa física. Elas podem, simplesmente, ser uma reação do corpo a uma memória traumática que, dependendo da situação, volta à ativa”.

Um exemplo: se você presenciou uma briga entre seus pais e ficou com muito medo, e teve uma dor forte em seu estômago, cada vez que uma situação semelhante acontecer – você presenciar uma briga ou se encontrar na eminência de uma, a dor pode voltar. Mesmo sem que você esteja diretamente ligado ao fato. Mesmo que a briga não seja com você. O agente que provocou a dor na primeira vez, lá na infância, está ali, presente, e então a dor volta. Mesmo sem que você tenha conhecimento ou lembrança disso.

Mas, e como os micro toques podem ajudar?

Com o tratamento por micro toques, é possível saber se existem memórias inconscientes gravadas no corpo. “Sim, muitas dessas memórias, especialmente as que nos causam dor, são apagadas da memória consciente e ficam arquivadas, de alguma forma, em nossas células. Pelo toque sutil, é possível perceber se o tecido tem ou não algum tipo de deformação, causada exatamente por células com registros traumáticos”, revela Sergio.

A partir daí, o próximo passo é avisar o corpo de que aquela situação já passou e que aquela memória não serve mais. E funciona? “Sim, funciona. As células são eliminadas e, com elas, as memórias. Tudo com um processo leve, sem dor, sem traumas. Apenas na medida certa para que o seu bem-estar retorne”, confirma o especialista.

Veja mais  Sem stress: tarefa doméstica é um dever de todos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *