Abbott amplia sua linha de saúde feminina com lançamentos para gestantes e futuras mães

A gravidez é um período repleto de alegrias e um bebê saudável é tudo que os futuros pais desejam. Para uma gestação tranquila e saudável é importante que as mulheres tomem algumas precauções, como a realização do pré-natal e adotar hábitos saudáveis. Alguns desses cuidados podem começar já no planejamento da gestação, antes mesmo da confirmação da gravidez.

Pensando nesta etapa tão importante na vida das mulheres, a Abbott, empresa global de cuidados para a saúde, acaba de lançar dois produtos para a saúde das mamães e dos bebês: Zafolat e Gestaz. Elaborados para momentos diferentes da gravidez, os lançamentos trazem, em comum, a presença do metilfolato em sua composição. “Forma ativa do ácido fólico, esse elemento ajuda a evitar anemia e outras complicações para a gestante, além de auxiliar na formação dos órgãos e do sistema nervoso do feto”, explica Riva Dimitrov, Diretora Médica da Divisão de Farmacêuticos Estabelecidos da Abbott no Brasil.

“O ácido fólico é uma vitamina que deve ser ingerida pelas mulheres antes e durante a gestação, principalmente por ter um papel importante na formação do tubo neural do feto”, conta Dr. Nilson Roberto de Melo, Professor da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Por causa disso, o ácido fólico precisa ser metabolizado pelo corpo e transformado em L-metilfolato, a forma ativa da substância. “Infelizmente, alguns indivíduos não conseguem realizar essa conversão de forma adequada. No mundo, até 60% das mulheres possuem mutações genéticas que prejudicam a conversão de ácido fólico em metilfolato”.

Portanto, quando ingerido já em sua forma ativa, o metilfolato tem uma taxa de absorção 26% maior em comparação ao ácido fólico1. Utilizar o metilfolato ao invés do ácido fólico também reduz a possibilidade de interações com medicamentos que interferem na metabolização da vitamina2.

Além da sua importância no desenvolvimento do tubo neural, o metilfolato auxilia no processo de divisão celular, na formação das células vermelhas do sangue, na síntese de aminoácidos e no funcionamento do sistema imune.

DIFERENTES FASES, NECESSIDADES DIFERENTES

O Zafolat foi desenvolvido para o uso desde o planejamento da gravidez, até o final do 1º trimestre. Vários estudos recomendam o uso dos folatos para prevenir malformações, e o ideal é que ele seja tomado pela mulher meses antes de engravidar, mantendo o seu uso até o primeiro trimestre da gestação. Isso porque, nos fetos, a formação e o fechamento do tubo neural acontecem entre o 17º e o 30º dia após a concepção. Além do metilfolato, este suplemento vitamínico contém as vitaminas B12, B6 e E.

O Gestaz entra em cena na sequência, quando a gestação inicia o 2º trimestre, e é recomendado enquanto a mãe estiver amamentando. “Nesse período, tanto a gestante quanto o feto precisam de uma ampla gama de nutrientes e, mesmo com uma alimentação adequada, muitos deles podem não ser consumidos na quantidade suficiente”, afirma Riva.

Com uma formulação exclusiva, o Gestaz combina o metilfolato com mais de 20 vitaminas e minerais, como as vitaminas A, C, E, B1, B2, B6, B12, D e K, cálcio, iodo, ferro, cobre, zinco, cromo, manganês, magnésio, niacina, biotina, molibdênio, selênio e flúor.

“A Abbott tem uma linha de saúde feminina que atende todas as fases das mulheres. Zafolat e Gestaz foram desenvolvidos e produzidos em nosso Centro de Desenvolvimento no Rio de Janeiro e nosso objetivo é continuar melhorando a vida das pessoas através do desenvolvimento de produtos e tecnologias que abrangem toda a área da saúde”, conclui Riva Dimitrov.

Zafolat e Gestaz, ambos em embalagem com 30 comprimidos, estão disponíveis nas principais farmácias do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *