Advogada e ex-PM revela que faturou mais na Privacy que em qualquer outra profissão

"No primeiro ano como advogada, minha renda era quase zero", diz ela.

A advogada Tatiane Weg surpreendeu ao revelar que fatura muito mais com o seu perfil na Privacy que em qualquer outra profissão com que já trabalhou.

Na plataforma, é possível compartilhar fotos e vídeos, cobrando uma mensalidade para que os seguidores tenham acesso.

Ela, que já foi PM em Santa Catarina, se formou em direito e lecionou em sua área por alguns anos, mas conta que a agenda era cheia e o retorno financeiro demorou para aparecer.

“Quando eu comecei a advogar, eu fiquei um ano ganhando muito mal. Os primeiros 6 meses praticamente sem renda, só investindo dinheiro. Levei uns 3 anos para ganhar razoavelmente bem. Fazendo conteúdo, foram 14 mil de cara, logo no primeiro mês”.

Ela também explica que o que faz a diferença é conseguir manter ganhos constantes.

“É claro que se eu somar tudo o que já ganhei na advocacia, o valor seria maior, pois estou na profissão desde 2014 e advogo até hoje. Mas fazendo uma comparação da média mensal, ganho muito mais hoje”.

Depois do sucesso, ela diz que foi se adaptando às oportunidades, criou novas estratégias e conquistou estabilidade no mercado digital.

“Trabalhar no digital traz um retorno financeiro muito bom e é uma alternativa de trabalho, como qualquer outra”, completa.

Comece a digitar e pressione o Enter para buscar

Conteúdo Adulto

O conteúdo a seguir é destinado ao público adulto.

Ao escolher sim você está declarando ser maior de 18 anos.