Saudade

Quantas vezes já nos perdemos no tempo, olhando para o nada mas com o pensamento longe, lembrando de alguma passagem das nossas vidas e que nos trouxe saudade ?

Muitas !

E muitas ainda virão.

Da infância; da juventude; de um amigo (a); um ente querido (que talvez já tenha cumprido a sua missão) e, bem provável, de um amor… que nos deixou marcas profundas ou até mesmo o que passou feito um relâmpago…Não, este não!

Mas daquele que nos fez acreditar que seria eterno e que para muitos desejamos que tenha sido e que outros ainda acreditem.

Não vamos nos ater àquela saudade dolorida, mas da que persiste.

Este tipo de saudade (a persistente ou a sensação dela), que nos traz um sorriso ao rosto, que acalma a alma e o coração, que faz renascer em nós a vontade de reviver cada um daqueles instantes.

Que todos nós tenhamos boas lembranças, para quando bater a saudade, ela nos permita recordar daqueles doces momentos com a mesma intensidade com que foram vividos e que possamos sentir que tudo valeu a pena !

” Saudade é a vontade de ver de novo ”
Luis Vieira

Luis Vieira (descanse em paz)
Cantor e compositor pernambucano

Comece a digitar e pressione o Enter para buscar