Outono

A Renovação

É quando as árvores se despedem de suas folhas que já amareladas, ainda assim não sem beleza, caem ao sabor do vento, em uma espécie de dança lenta, caprichosa…e num farfalhar quase inaudível, atingem o solo, juntando-se às outras, formando um lindo visual dourado, despertando em nós sentimentos que a alma, sem explicação, expõe num misto de melancolia e serenidade.

Com um suspiro, quase um gemido e um tímido sorriso, seguimos em frente, evitando pisar naquela “”colcha””, que mesmo sabendo inanimada, não queremos machucar, porque ali repousa o que não conseguimos realizar, talvez por isto tenham amarelado e caído para que outras nasçam em toda a sua plenitude para que possamos renovar nossos desejos, aflorados na esperança de que, quem sabe, desta vez o Outono esteja nos preparando uma bela surpresa !!

Ainda dá tempo.

Vamos tentar mais uma vez…

E mais outra… e mais outra….e outra…

Comece a digitar e pressione o Enter para buscar