Móveis clássicos e paleta de cores atemporal definem projeto assinado pela arquiteta Carina Dal Fabbro – Afina Menina

Móveis clássicos e paleta de cores atemporal definem projeto assinado pela arquiteta Carina Dal Fabbro

A profissional cuidou de todos os detalhes da reforma do imóvel, com de 260m², localizado no bairro Jardim Europa, na capital paulista

Um apartamento acolhedor que retrata uma área social pensada com a atmosfera do bem receber: essa foi a proposta do projeto de arquitetura de interiores assinado pela arquiteta Carina Dal Fabbro, do escritório que leva seu nome, para um casal na faixa etária dos 40 anos. Com 260m², a nova morada da família com um filho de 4 anos e um bebê por chegar acolheu uma paleta de cores neutras e atemporal que se mescla perfeitamente com as peças clássicas do mobiliário para os ambientes.

Uma residência ampla e com cores padronizadas foi o desejo expressado pelos moradores para o imóvel localizado no bairro Jardim Europa, zona sul da capital paulista. “Foi uma honra entregar um espaço tão lindo e do jeito que eles queriam! Nada mais gratificante que este sentimento de dever cumprido”, revela Carina.

Pautado no conceito de integração de ambientes, o living – dividido em três ambientes –, mescla-se a também elegante sala de jantar. O piso de mármore Travertino Romano bruto ‘conversa’ com os tons de bege e caramelo que predominam nessa unidade. No contraponto, a arquiteta envolveu o sofá verde, que compôs o décor em um contexto muito interessante.

Dividida entre o living e o jantar com home theater, uma particularidade que fez toda a diferença neste projeto foi o uso de um painel mimetizado em madeira OAK. “Além da intenção de decorar o espaço, o uso do painel no projeto da marcenaria nos permitiu acomodar, de forma muito discreta, louças e taças, além de manter, de forma privada, a porta de passagem para a cozinha”, detalha a profissional.

Integração entre o amplo living e a sala de jantar refletem o estilo do casal de moradores| Foto: Rafael Renzo

Por se tratar de um imóvel construído na década de 80, Carina promoveu mudanças arquitetônicas como o nivelamento do piso para esconder o ‘degrau’ entre ambientes – muito característico nesse período –, a demolição de parte da parede que dividia o atual closet do casal e a divisão de um grande dormitório, que foi transformado em duas unidades.

No tocante ao material eleito para pisos e bancadas presentes tanto no hall, área social, como também banho e lavabo, a arquiteta apostou na sofisticação do mármore Travertino Romano bruto.

Ampla, a sala de jantar foi concebida para receber um número expressivo de convidados. Unidas, as duas mesas (1,50 x 1,50 m) em laca Off white e tampo em cristal pintados na mesma cor são acompanhadas por 12 posições de cadeiras revestidas em suede. As três primeiras portas revelam os armários utilizados para guardar louças e nos painéis fixos, fica a passagem para a cozinha | Foto: Rafael Renzo

Veja mais  Hotel com DNA paranaense, vizinho do aeroporto Afonso Pena, reabre após oito meses

Passando para a cozinha, pisos e paredes também foram padronizados. Com um cinza predominante, o ambiente se tornou o sinônimo de modernidade, elegância e sobriedade. Ainda no cômodo, também foi inserida uma pequena copa para que os moradores possam realizar as refeições rápidas. “Conseguimos incluir uma mesa ‘L’ e em laca brilhante que foi fixada na parede. Para completar o estilo, as quatro cadeiras Eames recebem a família durante o café da manhã. E claro, a TV não poderia faltar para acompanhar as notícias ou os desenhos infantis para os pequenos”, detalha Carina.

Visão da marcenaria produzida pela SCA Jardim Europa. Amplos armários, gavetas, eletrodomésticos incorporados ao mobiliário e a sofisticação intimista do LED. Ao lado, a porta de acesso para sala de jantar, camuflada no painel| Foto Rafael Renzo

No final do corredor da cozinha, o acesso área de serviço foi valorizado no projeto de Carina Dal Fabbro. Sem deixá-la escondida ou em segundo plano durante a reforma, a área foi considerada com muito carinho e brasilidade. Na divisão entre os ambientes, a arquiteta elegeu o cobogó, elemento que trouxe o charme retrô que segue em alta na decoração para compor com a porta deslizante de vidro. O resultado foi muito benéfico: a cozinha seguirá contando com a luz natural das amplas janelas presentes da área de serviço e, ao mesmo tempo, os odores não interferirão nas roupas estendidas no varal. “Gostei muito da funcionalidade e a sutileza que proporcionamos nessa parte do apartamento”, diz a arquiteta.

 

O cobogó inicia a separação e vem acompanhado pela porta deslizante de vidro para fechar a área de serviço. Com a marcenaria que garante espaço para guardar os itens de limpeza, a área de serviço se revela um ambiente clean e confortável para circulação | Fotos: Rafael Renzo

Discreto e bastante acolhedor, o dormitório do casal foi realizado em uma paleta de tons neutros. Para finalizar essa atmosfera de elegância, os quadros apoiados na cabeceira em marcenaria transmitem modernidade na medida certa. “Instalamos uma iluminação indireta no forro para trazer um clima intimista ao casal e optamos pelo cinza no enxoval da cama, deixando o ambiente harmonioso e discreto, mas com abertura a mudanças, caso o casal queira inserir um pouco de cor no futuro”, indica Carina.

Veja mais  Como aproveitar o espaço da varanda

Ainda no quarto, os moradores solicitaram por um espaço home office. Posicionado abaixo da TV, rendeu ao casal um ambiente tranquilo para trabalhar, estudar ou ler um livro.

 

Além de modernidade, os quadros apoiados acima da cabeceira transmitem um pouco da personalidade do casal. Para o espaço de home office abaixo de TV, a marcenaria cinza com a cadeira caramelo promovem sintonia com o restante do ambiente | Fotos: Rafael Renzo

No quarto infantil das crianças, a neutralidade também pautou a decoração, já que o sexo do bebê a caminho ainda não havia sido revelado. “Inserimos uma mesinha pequena para o primogênito pudesse brincar e realizar suas atividades. Também apostamos em um painel para a TV e a estante de livros na sua altura. As cadeiras coloridas foram inseridas com o intuito de trazer mais alegria ao espaço, já que não inserimos cores nas paredes”, conta Carina.

 

No espaço do bebê, temos um ambiente com cores mais neutras, por conta do sexo ainda não ter sido revelado. Já para a criança de quatro anos, Carina Dal Fabbro agregou mesa e cadeiras coloridas ao lado da cama para o pequeno brincar| Fotos: Rafael Renzo

As bancadas e cubas esculpidas fazem cada vez mais sucesso em banheiros e lavabos. Por conta disto, o mármore Travertino Romano bruto foi inserido no piso e bancada. “No complemento do banheiro, o gaveteiro e os armários presentes na marcenaria permitem que os moradores acomodem os itens do dia a dia, deixando a bancada livre, uma questão estética que deixa o ambiente muito mais fluído e elegante”, complementa a arquiteta. Para o lavabo, as cores se destacaram com os demais elementos: o espelho redondo, a cuba esculpida e a bacia sanitária.

 

Os dois ambientes foram revestidos com mármore Travertino Romano bruto em um layout sob medida | Foto: Rafael Renzo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *