Querer e/ou poder – Afina Menina

Querer e/ou poder

“Não começo a fazer o que realmente quero por medo, por vergonha, por achar que não dou conta de sustentar o compromisso. É difícil sair disso mesmo estando consciente. Saber lidar é outros quinhentos...”

Leia ouvindo: Simples Desejo

Recebi esse desabafo hoje, no meu direct, e desfiz os planos que tinha sobre outros temas que recebi ao longo da semana. Por algum motivo, no dia de hoje, me conectei mais com esse tópico.

A verdade é que tudo na vida é processo, caminhada, trajetória. E muitas vezes totalmente inconsciente. Para aqueles que já têm (ou estão dispostos a buscar) a consciência, a análise trabalha no sentido de entender o momento presente e os caminhos únicos de cada sujeito nos enfrentamentos cotidianos. E isso sempre envolve o passado, a infância e a sexualidade, por exemplo.

Entender a si mesmo, aceitar quem você é e interpretar os seus valores são alguns passos para tomar decisões seguras e assertivas. É isso que ajuda a compreender como você vive e sente. Tudo que te faz único ajuda a clarear o seu potencial. E sabe qual a consequência disso? Força e potência. E mais: Valorização de si mesmo, das suas qualidades e dos seus desejos genuínos.

Veja mais  Beijinho sem leite condensado

O medo e a vergonha não são sinais de fracasso, pelo contrário. É preciso ser muito forte e corajoso para se mostrar vulnerável. A caminhada te levará a agir com segurança e na hora certa, na sua hora. Pois é você que comanda a sua vida, apesar do racional, do emocional ou de qualquer outra coisa. É tudo sobre você e sua história. E você escolhe ser o seu melhor amigo ou o seu pior inimigo?

Veja mais  A internação é indicada no período de quarentena?

– Lá no meu direct (@yaskarapsi) recebo dúvidas, questionamentos e também histórias que queiram compartilhar… Elas são respondidas aqui, em forma de texto, sem identificação (e com uma música especial). Vamos pensar sobre o que estamos vivendo? Até semana que vem!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *